(11) 3383-1200
atendimento@raidho.com.br
Diferentes visões, diferentes culturas Nós sabemos onde fica o exótico de cada parte do mundo

     
Dicas
   
 
 

DICAS GERAIS – HOLANDA


O nome do país em holandês é Nederlanden, que significa exatamente 'terras baixas'. De fato, parte da Holanda fica abaixo do nível do mar. Os holandeses ampliaram o país 'roubando' terras do mar pouco profundo do litoral, com a construção de diques. E até hoje continuam a fazê-lo, sendo talvez o único país do mundo capaz de aumentar seu território sem avançar no do vizinho... A cidade mais interessante do país é Amsterdam, sua capital, toda cortada por canais, destino obrigatório de todos que visitam a Holanda.

Os holandeses são hoje considerados os mais ecléticos, inovadores, liberais e tolerantes dentre os povos europeus: na Holanda, cada um pode fazer o que quiser desde que respeite os limites de convivência social.

Sob o ponto de vista turístico a Holanda é um dos países mais importantes da Europa, tendo muito para oferecer no campo cultural e recreativo.

No que diz respeito à arte contemporânea são igualmente vastas as possibilidades oferecidas pelos Países Baixos. . Além de museus e castelos, existe ainda um grande número de galerias de arte, nas quais é possível apreciar as tendências que estão se desenvolvendo na arte.

 
 
 
 



Cada uma das grandes cidades tem seu caráter próprio. Sobretudo Amsterdam, famosa por seus esplêndidos canais, pontes e fachadas, e que além de atrair inúmeros visitantes é uma cidade dinâmica, alegre, e de caráter verdadeiramente internacional. No verão o público enche as esplanadas ao ar livre, enquanto que no inverno é forte a animação nos famosos cafés.

A época das flores tem seu começo em março e apenas termina em setembro. Porém, na Holanda, durante o ano inteiro toda a gente pode dar-se o prazer de ter flores em casa. Todos os anos se realizam a “Kerstflora” (Flora de Natal), uma exposição que duram cinco dias, e durante qual são apresentadas flores e plantas criadas em estufa. Capital – Amsterdam

Moeda – Euro

Idioma Oficial – Neerlandês

Fuso Horário – Meridiano de Greenwich +1

Vistos consulares – Brasileiros estão isentos de visto à turismo/negócios para permanência de até 90 dias. Documentos –

Aos Viajantes Brasileiros, aconselha-se: estar com o passaporte original válido, fundos suficientes para a estadia na Holanda (dinheiro, travel check, cartão de crédito), bilhete aéreo ida e volta confirmada, voucher do hotel e serviços adquiridos durante a estadia na Holanda e comprovante de aquisição de seguro de viagem internacional(com cobertura de EUR 30.000,00 englobando assistência médica/hospitalar e repatriação sanitária). A ausência destes requisitos, poderá acarretar problemas no ato do desembarque na Holanda. Clima / Melhor Época – Junho, julho e setembro são os meses ideais para uma viagem pela Holanda. Em agosto, as temperaturas são agradáveis, mas os preços sobem bastante. O inverno apresenta temperaturas bem baixas e, mesmo na primavera e no outono, quem não gosta de frio pode se sentir incomodado. História –

Antes da era cristã, os Países Baixos eram povoados por tribos celtas e germânicas. O sul dos Países Baixos fez, durante muito tempo, parte do Império Romano. Durante a Idade Média os Países Baixos - atualmente Países Baixos, Bélgica e Luxemburgo - eram subdivididos em províncias autônomas com seus próprios senhores feudais. Sob o reinado de Carlos V foram unificadas e incluídas no Império Borgonhês-Habsburgo.

Em 1568, o Príncipe Guilherme de Orange liderou a revolta contra a restrição da liberdade religiosa e os intentos absolutistas de Filipe II, filho de Carlos V. Esta revolta foi o início da Guerra dos Oitenta Anos, que terminou em 1648, com a Paz de Munster*, na qual a República das Sete Províncias Neerlandesas Unidas foi reconhecida como estado independente. Essa república contava com sete regiões soberanas, mas continuou a ter um elemento feudal através do stadhouder (governador), uma função poderosa, exercida pelos herdeiros de Guilherme de Orange.

No século XVII, também chamado o Século de Ouro, a república viveu um período de grande prosperidade. Esta prosperidade foi em grande parte conquistada pela Companhia Unida das Índias Orientais (VOC), criada em 1602 para a navegação e o comércio ao longo da costa asiática e africana. Neste tempo os Países Baixos conquistaram colônias na Ásia (Indonésia), e na América do Sul (Suriname e Antilhas Neerlandesas). No século XVIII, os Países Baixos tiveram que ceder a sua posição de supremacia como país comerciante à Inglaterra, contra a qual foram travadas várias guerras.

Depois de terem sido incorporados à França, sob Napoleão, em 1813 os Países Baixos voltaram a ser independentes, agora juntamente com a Bélgica formando o Reino dos Países Baixos, sob o comando do rei Guilherme I.

Com a separação da Bélgica em 1830, os Países Baixos adquiriram sua forma atual.

Guilherme I foi sucedido por Guilherme II e este por Guilherme III. Em 1898, a rainha Guilhermina assume o reinado, seguida, em 1948, por sua filha Juliana.

Os Países Baixos permaneceram neutros durante a Primeira Guerra Mundial (1914 - 1918), tal como no começo da Segunda Guerra Mundial, mas em 1940 foram atacados pela Alemanha, ao que se seguiram cinco anos de ocupação. Em 1948 a Indonésia tornou-se uma república independente, seguida, em 1975, pelo Suriname. Em 1980, Juliana abdicou do trono, sendo sucedida por sua filha Beatrix.

A Holanda, ao contrário da maior parte da Europa, nunca teve uma estrutura feudal forte e floresceu com o comércio marítimo, criando, em 1602, a primeira “multinacional” de que se tem notícia na história: a Companhia Holandesa das Índias Orientais. A partir daí, o intenso intercâmbio comercial e cultural da Holanda com povos de todos os continentes favoreceu influências recíprocas.


 
     
Através da lista de casamento Raidho, os convidados presenteiam o casal com cotas, de diferentes valores, que se transformam na viagem dos sonhos!
REDES SOCIAIS
NEWSLETTER
Receba nossas promoções e novidades em seu E-mail.
Aceito os termos de uso e política de privacidade
Login: Senha: Esqueceu a Senha?
ÁREA RESTRITA CÂMBIO ON-LINE
Euro (EURO): R$ 3,950
Dólar (US$): R$ 3,350
20/10/2017 às 14h 42 min
DESENVOLVIDO POR
VMB Consultores & Informática