(11) 3383-1200
atendimento@raidho.com.br
Diferentes visões, diferentes culturas Nós sabemos onde fica o exótico de cada parte do mundo

     
Dicas
   
 
 

DICAS GERAIS – SEYCHELLES


As Seychelles ou Seicheles é uma nação insular localizada no Oceano Índico ocidental, constituída por vários arquipélagos localizados a norte e nordeste de Madagáscar. Fazem parte das Seychelles as Ilhas Seychelles propriamente ditas, as Ilhas Amirante, as ilhas Farquhar, as ilhas Aldabra e algumas outras ilhas dispersas. Além de Madagáscar, os seus vizinhos mais próximos são as Maurícias, a sudeste, as Comores e Mayotte, a sudoeste, e as Ilhas Gloriosas, a sul. Capital: Victoria. Juntamente com a Líbia e as Maurícias, são o único país do continente africano com Índice de Desenvolvimento Humano considerado alto.

O encantador arquipélago de Seychelles é formado por 115 ilhas, mas somente 14 delas estão preparadas para recepcionar os turistas e oferecer momentos inesquecíveis. As principais ilhas de Seychelles são Mahé, Praslin e La Digue e as que também recebem o maior fluxo de turismo durante o ano.

As ilhas Seychelles são líderes mundiais em turismo sustentável. O resultado final deste desenvolvimento sustentável é um ambiente natural intacto e estável.

A fauna e flora da região é muito rica, podendo ser visto lá mais de 1000 espécies de peixes e algumas das maiores colônias de aves marinhas do mundo. Mas lembre-se que lá tudo é preservado e nãos e pode tocar na natureza!

A sociedade seychellense é essencialmente matriarcal. As mães tendem a ter um papel dominante no lar, controlando a maioria das despesas correntes e ocupando-se dos interesses das crianças. As mães solteiras são a norma social, e a lei obriga os pais a assegurar a alimentação dos filhos. Os homens são importantes pela capacidade de ganhar dinheiro, mas o seu papel doméstico é relativamente periférico. As mulheres mais velhas podem habitualmente contar com o suporte financeiro dos membros da família que vivem em casa ou contribuições dos ganhos dos filhos crescidos.

 
 
 
 


A indústria do turismo emprega aproximadamente 30% da força trabalhadora do país e fornece mais de 70% das receitas em moeda forte. Depois do colapso econômico de 91/92, devido à Guerra do Golfo, o governo começou a desenvolver atividades alternativas como cultivo e pesca, com produção em pequena escala, a fim de diminuir a dependência do turismo. Entre as principais colheitas estão a canela, chá e banana.

Mesmo assim, as Seicheles são um dos países mais ricos de África, possuindo junto com as Maurícias e a Líbia um dos três IDHs elevados do continente.

A praia mais popular de Seychelles fica em Mahé e é chamada de Beau Vallon. Ela tem um formato em meia lua e tem três quilômetros de comprimento; e é considerado um dos melhores locais para se praticar windsurfing.

Mas se você procura tranqüilidade, deve ir até Anse à Mouche. Aqui pode-se praticar sossegadamente natação e outros esportes aquáticos sem nenhum problema e curtir momentos de total tranqüilidade. Já o povoado de Baie Lazare e um dos mais agradáveis de Seychelles. É um povoado de pescadores que tem uma praia totalmente à sombra, graças à arvores que cresceram na beirada da praia. Um recanto ideal para quem quer descansar em Seychelles. Capital – Vitória

Moeda – Rupia das Seychelles

Idioma Oficial – Inglês, francês e Crioulo de Seychelles

Fuso Horário – Meridiano de Greenwich + 4 horas

Vistos consulares – Brasileiros necessitam de visto de entrada. Documentos –

Para quem fica até 30 dias, o visto é concedido na chegada ao país, desde que o visitante tenha passaporte válido por no mínimo mais sete meses, passagem aérea da volta confirmada, comprovante de acomodação (voucher do hotel), e demonstre que tem recursos financeiros suficientes para a estadia.

É necessário certificado internacional de vacinação contra febre amarela.
Clima / Melhor Época –

A temperatura média anual mantém-se entre os 25 e os 30 graus centígrados. Os meses mais quentes são Março e Abril; os mais "frescos" são Julho e Agosto. A época das chuvas vai de Novembro a Fevereiro, ainda que não se possa garantir que não choverá no resto do ano. O normal é que, no mesmo dia, o tempo varie no espaço de poucas horas. História –

Embora mareantes austronésios ou mercadores árabes possam ter sido os primeiros a visitar as desabitadas Seychelles, o primeiro registro europeu conhecido do avistamento das ilhas ocorreu em 1502, pelo Almirante português Vasco da Gama, que atravessou as Ilhas Amirante, nomeando-as em honra de si próprio (ilhas do Almirante). A primeira visita a terra registrada e a primeira descrição escrita do arquipélago deve-se à tripulação do East Indiaman inglês Ascension em 1609. Fazendo parte da rota comercial entre a África e a Ásia, as ilhas eram ocasionalmente utilizadas por piratas até os Franceses iniciarem o controlo do arquipélago em 1756, quando a Pedra da Possessão foi colocada pelo Capitão Nicholas Morphey. As ilhas foram nomeadas em honra de Jean Moreau de Séchelles, Ministro das Finanças de Luís XV.[8]

Os Britânicos disputaram o controlo das ilhas com os Franceses entre 1794 e 1812. Jean Baptiste Quéau de Quincy, o administrador francês das Seychelles durante os anos da guerra com o Reino Unido, preferiu não resistir quando os navios inimigos chegaram. Em vez disso, Quincy negociou com sucesso a capitulação aos Britânicos, que conferiu aos colonos uma posição privilegiada de neutralidade.

A Grã-Bretanha eventualmente assumiu o controlo total após a rendição das Ilhas Maurícias em 1812, o que foi formalizado em 1814 no Tratado de Paris. As Seychelles tornaram-se uma colônia realenga separada das Maurícias em 1903 e a independência foi conseguida em 1976, sob a forma de república inserida no Commonwealth. Em 1977, um golpe de estado depôs o primeiro presidente da república, James Mancham, substituindo-o por France Albert René. A constituição de 1979 declarou um estado socialista uni - partidário, e assim permaneceu até 1991. O primeiro rascunho da nova constituição não obteve os 60% de votos requeridos em 1992, mas uma versão emendada foi aprovada em 1993. Nas eleições presidenciais de Julho de 1993, Albert René foi eleito com 59% dos votos totais.


 
     
Através da lista de casamento Raidho, os convidados presenteiam o casal com cotas, de diferentes valores, que se transformam na viagem dos sonhos!
REDES SOCIAIS
NEWSLETTER
Receba nossas promoções e novidades em seu E-mail.
Aceito os termos de uso e política de privacidade
Login: Senha: Esqueceu a Senha?
ÁREA RESTRITA CÂMBIO ON-LINE
Euro (EURO): R$ 3,950
Dólar (US$): R$ 3,350
20/10/2017 às 14h 42 min
DESENVOLVIDO POR
VMB Consultores & Informática